Abuso no “Big Brother Brasil 18”: Está rolando ou não?

Sim, sabemos. A internet está em polvorosa por causa das atitudes de Ayrton em relação à filha, Ana Clara, dentro do “BBB 18”. Mas será que a postura do veterano no reality da TV Globo configura, de fato, um abuso?

O brother, para quem não viu ainda os vídeos que andam circulando na web, foi filmado fazendo movimentos com os quadris enquanto estava deitado sobre a garota – duas vezes! – e deu um selinho para lá de demorado na jovem durante a primeira festa que curtiram juntos no confinamento.

Aí, provavelmente, muitos vão dizer: “Ah, mas é normal um pai dar selinho na filha”. Claro! Longe de nós querermos estabelecer um ideal de relação familiar. Cada um tem a liberdade de agir como bem entende no meio dos seus. Desde que, obviamente, sem ultrapassar a barreira do ‘saudável’.

Ainda é cedo para batermos o martelo e condenarmos o patriarca da família Lima – nem juízes somos -, mas existem – ou deveriam – limites nas relações, não é mesmo?

No cenário atual da sociedade, em que as mulheres tentam se unir e se rebelar contra a cultura do assédio desenfreado, assistir na TV a um pai levantando a toalha da filha para confirmar se ela está, realmente, usando calcinha é, no mínimo, humilhante para a figura feminina.

“Vocês estão querendo ‘pregar’ o politicamente correto em tudo, até na forma como as pessoas se relacionam”, alguém pode dizer. Mas não, não é isso. Em um mundo em que mulheres morrem a todo instante e sofrem todo o tipo de abuso – em grande parte dentro de suas próprias casas e de quem as deveriam proteger, como pais, padrastos e tios -, não podemos entender como ‘normal’ alguém insistir em manter contato físico de gosto duvidoso com uma filha.


Aliás, não podemos, sob nenhuma hipótese, mostrar para aquelas meninas que estão do outro lado da telinha – sim, elas também assistem ao “BBB”, independentemente da classificação etária – que tudo bem se um pai ou uma pessoa próxima as tocarem de forma mais ‘carinhosa’. Afinal de contas, se elas viram na Globo que isso acontece em outras famílias, então está tudo certo… Só que não!

Agora queremos saber a opinião de vocês a respeito do caso. O que estão achando da postura do Ayrton? Comentem lá no nosso Facebook!

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE