Confira como foram os últimos desfiles no Carnaval do Rio

Escolas de samba do Grupo Especial encerraram a folia carioca

Por ,

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Fonte: AgNews

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo "Um coração urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem"

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: AgNews

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo "Um coração urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem"

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Fonte: AgNews

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo "Um coração urbano: Miguel, o arcanjo das artes, saúda o povo e pede passagem"

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá"

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Fonte: AgNews

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá"

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá"

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Fonte: LIESA/Divulgação

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo "Brasil Bom de Boca"

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: AgNews

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo "Brasil Bom de Boca"

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Fonte: LIESA/Divulgação

Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo "Brasil Bom de Boca"

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Fonte: LIESA/Divulgação

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Fonte: LIESA/Divulgação

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Fonte: LIESA/Divulgação

Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo "Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu"

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo
Fonte: LIESA/Divulgação

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo "Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu"

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo
Fechar anúncio
Fonte: LIESA/Divulgação

Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo "Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu"

Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Primeira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Unidos da Tijuca homenageou Miguel Falabella com o enredo
Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Segunda Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Portela falou sobre refugiados com o enredo
Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Terceira Escola a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de fevereiro, a União da Ilha celebrou a culinária brasileira com o enredo
Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Quarta Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 13 de janeiro, a Salgueiro fez um tributo às mulheres negras
Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Penúltima Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, no dia 12 de fevereiro, a Imperatriz Leopoldinense celebrou os 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí e quase se prejudicou por causa da demora da Comissão de Frente
Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo
Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo
Última Escola de Samba a se apresentar pelo Grupo Especial do Rio de Janeiro, já no dia 13 de janeiro, a Beija-Flor criticou a corrupção e a intolerância com o enredo

Últimas