Michael Douglas se defende de acusação de assédio: "Dói"

Ex-funcionária diz que ator se masturbou na sua frente

Por ,

Michael Douglas
Fonte: Divulgação

Michael Douglas declarou que sua família está "com medo e desconfortável" com a situação

Pai de três fihos, dentre eles os adolescentes Dylan e Carys - de 17 e 14 anos -, Michael Douglas resolveu revidar a acusação de assédio que recebeu de uma ex-funcionária, que alega que o ator teria se masturbado na sua frente. Isso porque o veterano disse que os herdeiros temem que o pai seja considerado um predador sexual. 

VOCÊ VIU? Autor mata personagens de "O Outro Lado" por ordem da Globo

Paolla Oliveira decide deixar elenco de nova série da Globo

Sem emplacar na Globo, Emilly Araújo decide ser youtuber

Marilene Saade surpreende fãs ao postar foto nua; confira!

“A parte que mais dói é precisar compartilhar algo assim com a minha esposa e meus filhos. Eles estão muito chateados. As crianças temem que eu possa aparecer em algum artigo me acusando ser um criminoso. Elas estão com medo e desconfortáveis”, declarou ao “Deadline”.

Segundo a suposta vítima, além do ato sexual, o artista teria também feito declarações racistas antes de a demitir. Contudo, o astro negou: "Isso é uma completa mentira, uma invenção, não há qualquer verdade nisso”.

Por fim, Doulgas se mostrou abalado com a situação. “É extremamente doloroso”, disse.

Notícias relacionadas