© Divulgação/TV Globo

Após ano intenso, Tiago Leifert deixa a grade da TV Globo

Após um ano intenso de trabalho, Tiago Leifert ficará um tempo fora do ar na TV Globo. Depois de comandar quatro atrações no canal, o apresentador só voltará a aparecer na televisão em janeiro para o “BBB 19”.

VOCÊ VIU? Afastada dos palcos, Simone lava carro: “Procurando o que fazer”

Globo deixa Dedé Santana de fora de especial dos “Trapalhões”

Deborah Secco diz quanto ganhou para cortar cabelo em “Sol”

Neymar estaria ‘investindo’ em atriz desafeto de Marquezine

Segundo “Uol”, depois de ficar à frente do “BBB 18”, do “Central da Copa”, do “The Voice Brasil”, e do “Zero1”, o ex-repórter vai descansar um pouco sua imagem.

Na competição musical, o jornalista ainda teve jornada dupla. Este ano, o programa foi exibido duas vezes por semana.

Sucesso como apresentador do “Big Brother Brasil”, Tiago também foi muito elogiado quando fez parte da cobertura da Copa do Mundo na Rússia, em junho e julho.

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração

  • © Instagram

    Tiago Leifert iniciou sua carreira no esporte aos 16 anos, no “Desafio ao Galo” – programa dedicado ao futebol de várzea. Em 2009, se tornou editor-chefe e apresentador do “Globo Esporte”. A partir de 2010, passou a comandar o “Central da Copa”. Já em 2017 se tornou o âncora do “Big Brother Brasil”, depois da saída de Pedro Bial da atração




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE