© Facebook

Elke Maravilha deve deixar o CTI em dois dias

Frederico Grunnupp, irmão da ex-modelo russa, afirmou que a artista segue sem previsão de alta, porém, deve deixar o Centro de Tratamento Intensivo (CTI), em dois ou três dias.

VOCÊ VIU? Irmão de Elke comemora recuperação: “Cada dia melhor”

“Ela está ótima. É tudo passo a passo, mas está cada dia melhor. Ela está feliz, ela é sempre feliz. Sempre com aquela alegria, felicidade. É natural dela”, afirmou ao “Ego”.

A atriz está internada desde 30 de junho e passou por uma cirurgia na última semana para a retirada de uma úlcera duodenal.

À publicação, Grunnupp deu detalhes sobre a cirurgia: “Ela fez uma operação no duodeno, a úlcera foi retirada e sedaram ela depois da cirurgia para que ela não tivesse dor. Houve uma infecção depois da cirurgia, que já era prevista, porque o duodeno foi perfurado. Então, mesmo limpando tudo, é comum dar essa infecção. Os médicos falaram que é um local que facilmente contamina, é algo que acontece em segundos. Por isso, ela tem que ficar anestesiada, até porque ela não podia ficar se mexendo muito, mas está acordada. Estão combatendo a infecção e aos poucos vão removendo a sedação. Mas ela sorri, olha para a gente, está consciente. A cada dia são feitos novos exames e o que se constata é que ela está melhor”.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE