Ex de Daniella Cicarelli vai recorrer da decisão do STJ contra Google

Ex-namorado de Daniella Cicarelli, Tato Malzoni achou pouco a indenização de R$ 250 mil a ser paga pelo Google por não retirar um vídeo íntimo do ex-casal da internet.

O advogado do empresário, Rubens Tilkian, disse que seu cliente irá recorrer da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), julgada na terça-feira (13).

“Assim que acontecer a publicação do acórdão, vamos investigar os termos da decisão e entrar com um recurso. Não há como negar que a multa atingiu um patamar exorbitante. A questão que deve ser avaliada, no entanto, é o motivo que a fez atingir. Diferentemente das outras empresas, o YouTube não cumpriu a decisão judicial por mais de 400 dias”, explicou o advogado.

A apresentadora e o empresário entraram com uma ação contra o site de buscas em 2006. Em 2012, o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que o clipe fosse removido, sob pena de multa diária de R$ 250 mil. A ordem, no entanto, teria sido desobedecida segundo o antigo casal.

O valor atualizado da indenização seria equivalente a R$ 93 milhões. “Se o Google tivesse cumprido a decisão, talvez não estivéssemos mais aqui falando sobre isso. Tenho enorme respeito pelo STJ e essa decisão não altera isso. Mas, quando a Corte decide, ela decide em defesa da dignidade da Justiça. Essa redução feita preserva essa defesa da dignidade da Justiça ou serve como incentivo para que mais empresas continuem violando as decisões judiciais? Ela serve como medida punitiva?”, questionou Tilkian.

A 4ª turma do STJ decidiu que a quantia era muito alta e sentenciou a organização a pagar apenas uma parcela da multa a cada um dos envolvidos. “Mesmo com a multa diária de R$ 250 mil poder-se-ia dizer que o valor para as partes atingiu patamares estratosféricos”, afirmou o ministro Luis Felipe Salomão, que relatou o caso, segundo o jornal “O Dia”.

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE