Fátima Bernardes confessa medo ao erguer taça do Brasil na Copa do Mundo

Nesta quinta-feira (14) de estreia da Copa do Mundo, Fátima Bernardes relembrou um momento de medo após a vitória do Brasil no Mundial de 2002. A jornalista, que estava no ônibus da Seleção, chegou a erguer a taça, o que a deixou preocupada em relação a uma possível punição por isso.

VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Nanda Costa assume namoro com mulher: “Meu amor”

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

“Diz que só chefe de Estado ou jogadores podem erguer a taça, então eu devolvi logo. Vai que dá uma coisa errada e tiram essa taça do Brasil, então eu devolvi rapidinho”, relatou durante o “Encontro”, da TV Globo.

Para quem não se lembra, a famosa segurou o troféu conquistado pelos jogadores brasileiros de forma involuntária, quando Lúcio lhe entregou o item.

Por fim, a apresentadora completou: “A final contra Alemanha, com dois gols do Ronaldo, foi inesquecível. Eu vi do campo e foi incrível”.

Vale destacar que a Copa do Mundo 2018 começa nesta quarta-feira (14), com o time da casa, a Rússia, disputando contra a Arábia Saudita.

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE