“Minha mãe me deu cigarro aos oito anos de idade”, revela Tonico Pereira

Tonico Pereira foi o convidado especial do “Encontro”, da Globo, nesta quarta-feira (11). Sem papas na língua, o veterano polemizou ao contar como foi sua criação durante a infância.

VOCÊ VIU? Gracyanne Barbosa vira piada após deixar parte íntima marcada em foto

Ex diz que Nego do Borel se aproximou de Anitta por interesse

Record impõe regras para controlar roupas que apresentadores usam na TV

Ascensão de Thiago Oliveira causa ciumeira nos corredores da Globo

“A gente está aí em um mundo contemporâneo que não é igual. Minha mãe me acobertava em coisas e me deu cigarro com oito anos de idade. Trocava cigarro por tarefas domésticas”, revelou o artista.

E filosofou: “Não é que eu ache isso moralmente mau, mas é a mesma coisa que a pessoa dizer que não se arrepende de nada. Nada mais burro do que não se arrepender de nada”.

Completamente fora da pauta do programa, Tonico deixou a apresentadora Fátima Bernardes sem jeito. “É que sou muito chato. Só isso”, finalizou.

O famoso, vale ressaltar, está afastado das telinhas desde outubro do ano passado. Seu papel mais recente foi como o rabugento Abel em “A Força do Querer”, da Globo.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE