© Divulgação

Sueca afirma ter filho de 20 anos com George Michael

A sueca Ulrika Lillemor Alfa Wonwolf afirmou ter tido um filho de George Michael. O rapaz, atualmente com 20 anos, teria nascido após um rápido affair com o artista, em 1997, no Reino Unido. No entanto, uma fonte ligada ao cantor – que era assumidamente gay – assegurou, no último domingo (7), que as alegações são falsas.

VOCÊ VIU? Ex-Globo é convidada para comandar novo reality da Band

Fátima Bernardes comemora vitória do namorado nas eleições

Confira quem são os famosos que não conseguiram se eleger

Solteira, Anitta faz a fila andar com bastante discrição

“É uma história antiga e é fictícia”, desmentiu ao “Daily Star Sunday”.

Apesar da negativa dos representantes do famoso, a veterana revelou que o astro sabia da existência da criança e que a visitou em sua casa na Suécia diversas vezes.

Além disso, a sueca afirmou que o artista pagava uma espécie de pensão para a criação do menino.

Ulrika disse também que possuía relatórios de DNA e fotos com o cantor. Contudo, especialistas afirmaram que tais provas podem ter sido forjadas.

Vale lembrar que Michael já comentou algumas vezes que não deixaria herdeiros. “Graças a Deus eu não tive filhos. Você pode imaginar ser filho ou filha de George Michael?”, questionou durante uma entrevista antiga.

Morto em 2016, aos 54 anos, o cantor deixou sua herança para as irmãs Yioda, de 57 anos, e Melanie, de 55. O ex-namorado do famoso, Fadi Fawaz, ficou fora do testamento.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE