Globo corta cena de estupro em “Deus Salve o Rei” para evitar polêmica

A Globo tinha previsão de exibir uma cena de estupro em “Deus Salve Rei”, mas achou melhor alterar a passagem na novela das 19h, a fim de evitar polêmicas com o público e problemas de classificação etária.

VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

Ex-BBB Lucas detona página na web após notícia falsa

No roteiro, Catarina (Bruna Marquezine) enganaria Otávio (Alexandre Borges) e acabaria presa na masmorra por causa disso. Lá, o rei forçaria a esposa fazer sexo e ela engravidaria também contra a vontade.

Segundo o “Notícias da TV”, com a mudança, a jovem decidirá seduzir o vilão para distraí-lo enquanto seu pai, Augusto (Marco Nanini) foge do castelo. A cena deve ir ao ar na próxima semana.

A gestação da princesa será mantida e revelada ao público no dia 29 de junho, quando ela já estará casada com Afonso (Romulo Estrela). O rapaz, contudo, manterá um caso com Amália (Marina Ruy Barbosa).

“Não! Não pode ser. Não é possível, Lucíola [Carolina Ferman]! Eu ainda não me deitei com Afonso! Meu Deus! Esse é do Otávio”, constatará a moça, desesperada.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE