Bruno Ferrari perde ação de R$ 2 milhões contra a Record

No ar em “Tempo de Amar”- trama das 18h da TV Globo -, Bruno Ferrari perdeu, em primeira instância, uma ação trabalhista que move contra a Record, emissora no qual trabalhou por quase 10 anos. O ator pedia R$ 2 milhões por horas extras, férias e décimo terceiro.

VOCÊ VIU? Anitta canta Hino Nacional na F-1 e vira assunto: “Errou?”

Luciano Huck e Angélica podem ser dispensados da Globo

Fátima e novo namorado já tiveram ‘lua de mel’ na Europa

Clara ficará milionária e voltará vingativa em “Paraíso”

A juíza Danielle Soares Abeijon, da Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro, julgou improcedente a ação em que o artista pede o reconhecimento do vínculo empregatício com a empresa, segundo o “Notícias da TV”.

Para quem não sabe, esse é o segundo processo que a família Ferrari move contra o canal e perde. Em junto, a juíza também negou o reconhecimento do elo entre a Record e Paloma Duarte, esposa de Bruno. Assim como a atriz, o famoso foi condenado a apagar uma multa de R$ 2 mil a título de custos processuais.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE