• © Felipe Monteiro/Divulgação/TV Globo

    Domingos Montagner morre afogado no Rio São Francisco, em Alagoas, em 2016, aos 54 anos. O ator foi levado pela correnteza enquanto se refrescava no local ao lado de Camila Pitanga. A dupla estava na região para as gravações finais de “Velho Chico”, da TV Globo, na qual formavam um par romântico.

    Montagner era casado com Luciana Lima e deixa três filhos: Antônio, Leonardo e Dante. Relembre, nas páginas a seguir, a trajetória do ator!

  • © Artur Meninea/Divulgação/TV Globo

    Domingos Montagner era paulistano, nascido no bairro do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, em 26 de fevereiro de 1962

  • © Divulgação/TV Globo

    Formado em Educação Física, Teatro e Artes Circenses, o artista começou a trabalhar em 1989 no Circo Escola Picadeiro

  • © Divulgação/TV Globo

    Apesar disso, tornar-se palhaço não estava nos planos do galã. No início, Domingos só procurava aprimorar sua desenvoltura como professor. Porém, se encantou com o mundo circense e não conseguiu mais sair

  • © AgNews

    Domingos Montagner era casado desde 2001 com Luciana Lima

  • © TV Globo

    Domingos deixou três filhos homens: Antônio, Leonardo e Dante

  • © Instagram

    Desde 1997, o paulistano está à frente do grupo “LaMínima”. Por essa companhia teatral, o ator criou inúmeros espetáculos e até recebeu o Prêmio Shell de Teatro – São Paulo, como Melhor Ator, e o Prêmio Cooperativa Paulista de Teatro, de Melhor Elenco

  • © Instagram

    Como diretor, Domingos foi um dos fundadores do “Zanni”, projeto criado para incentivar a importância das artes circenses e espetáculos de pequeno porte na cultura das cidades de todo o País

  • © TV Globo

    Na televisão, o artista começou fazendo participações na minissérie “Mothern”, em 2008

  • © Divulgação/TV Globo

    Fez “Força Tarefa” e “A Cura”, em 2010

  • © TV Globo

    Em 2011, atuou em “Divã”

  • © TV Globo

    Também em 2011, o artista viveu um dos seus personagens mais marcantes, o Capitão Herculano de “Cordel Encantado”

  • © TV Globo

    Em 2012, o ator fez “O Brado Retumbante” e “Gonzaga – de Pai pra Filho”

  • © TV Globo

    Em “Salve Jorge” (2012), o ator viveu o galã Zyah

  • © TV Globo

    Em 2013, o artista fez a novela “Joia Rara”

  • © TV Globo

    Em 2015, em “Sete Vidas”, o famoso viveu João Miguel

  • © Divulgação/TV Globo

    Em 2016, o ator vivia Santo, um dos protagonistas de “Velho Chico” – atual trama das 21h da TV Globo

  • © TV Globo

    Domingos Montagner já estava escalado para uma novela da Globo em 2017

Domingos Montagner aparecerá em reprise dois anos após tragédia

Morto há pouco mais de dois anos, em um trágico acidente no Rio São Francisco, Domingos Montagner poderá ser visto nas telinhas novamente em breve, na reprise de “Cordel Encantado” (2011) no “Vale a Pena Ver de Novo”, da Globo.

VOCÊ VIU? Meghan Markle fez ex-assistente chorar antes de demissão, diz jornal

Clauda Raia relembra casamento com Alexandre Frota: “Insano”

Record exclui Luiz Bacci e Fabíola Reipert de programa especial

Em “Guardião”, Afrodite apanha de Nicolau e faz greve de sexo

Esta será a primeira vez que o ator aparecerá em um folhetim reprisado na emissora após sua morte. Na trama, o veterano interpretou Capitão Herculano Araújo, pai de Jesuíno, personagem de Cauã Reymond.

O protagonista da novela, inclusive, lembrou recentemente com carinho da parceria. “Lembro com muito carinho dessa novela e estou muito feliz que vai reprisar. Conheci o Domingos, ele foi um grande parceiro”, disse ao GShow.

Vale lembrar que a emissora já anunciou a volta de “Cordel Encantado” à sua grade, mas o projeto só será exibido a partir do ano que vem, quando chegar ao fim “Belíssima”.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE