© Band

“MasterChef” corta nome de hipermercado após morte de cachorro

O “MasterChef”, da Band, decidiu cortar o nome do Carrefour da exibição, na última terça-feira (4). Patrocinador do programa, o hipermercado vem enfrentando uma polêmica desde o início da semana, quando um funcionário foi acusado de matar brutalmente um cachorro em uma sede de Osasco, em São Paulo.

VOCÊ VIU? Meghan Markle fez ex-assistente chorar antes de demissão, diz jornal

Clauda Raia relembra casamento com Alexandre Frota: “Insano”

Record exclui Luiz Bacci e Fabíola Reipert de programa especial

Em “Guardião”, Afrodite apanha de Nicolau e faz greve de sexo

Diferente do comum, Ana Paula Padrão não citou a marca quando um participante venceu a prova e ganhou R$ 1 mil no cartão para gastar em um dos estabelecimentos. Ao anunciar que o cozinheiro havia ganhado o benefício, a apresentadora ignorou por completo o merchandising que normalmente é feito.

Aliás, diversos famosos também decidiram boicotar a firma em questão. Dentre eles Tata Werneck, que soltou o verbo através das redes sociais: “Nos digam como farão a partir de agora para mostrar que não são coniventes com essa crueldade. Como vocês vão fazer com os animais que, com fome, vão atrás de comida? Vão matar? Não entro mais nesse mercado”.

A empresa, por sua vez, tentou se explicar depois dos apelos. “O Carrefour repudia qualquer tipo de maus-tratos. Afastamos a esquipe responsável pela segurança do local no dia do ocorrido até que a apuração do caso seja finalizada e as devidas providências tomadas. Daremos mais informações conforme o avanço das investigações”, disse em nota através da página oficial.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE