© Divulgação

Paulo Henrique Amorim é condenado por racismo contra Heraldo Pereira

Paulo Henrique Amorim perdeu na Justiça a ação movida por Heraldo Pereira. Após longos anos de processo, o apresentador da Record foi condenado à pena de um ano e oito meses por injúria racial contra o jornalista da Globo.

VOCÊ VIU? Após denúncias, Giselle Itié volta a postar fotos nua; veja

Nanda Costa assume namoro com mulher: “Meu amor”

Morre médium e apresentador Luiz Gasparetto, aos 68 anos

Isis Valverde é alvo de crítica: “Só assim para ter peito”

Segundo o colunista Flávio Ricco, no entanto, o veterano cumprirá a condenação em regime aberto e ainda terá que pagar uma multa à vítima dos comentários preconceituosos. Contudo, também não terá nenhuma chance de recorrer à decisão.

O processo, vale ressaltar, corre nos tribunais desde 2009 – época em que foi feita a tal declaração. Na ocasião, o comunicador havia citado o profissional como “um homem negro de alma branca” e “sem nenhum talento”.

Tudo havia sido publicado no site “Conversa Afiada”. Além disso, Paulo Henrique também criou rivalidade ao afirmar que Heraldo “não conseguiu revelar nenhum atributo para fazer tanto sucesso, além de ser negro e de origem humilde”.




Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE