Eliminado do “BBB 18”, Caruso dispara: “Fui um anti-herói”


© Divulgação/GShow


Eliminado do “Big Brother Brasil 18”, da TV Globo, na última terça-feira (27), com 81,56% dos votos, Caruso avaliou que não foi visto com bons olhos pelo público. Em entrevista ao “Rede BBB”, o publicitário afirmou não ligar ter saído do jogo com alto índice de rejeição.

VOCÊ VIU? Morre ex-diretor da Globo, Toninho Drummond; veja destaques!

Noiva defende Thammy Miranda: “Meu macho”

“BBB”: Patrícia sobre Gleici: “Parto a cara dela num soco”

Zezé di Camargo é ‘zoado’ após noiva postar foto do bumbum

“Sempre fui um anti-herói, mas acho que a minha autoconfiança que me eliminou. Lógico que é uma rejeição bem grande, mas eu também não estou nem aí. Achei que ia ser o primeiro de rejeição, está bom então”, disse a Vivian Amorim.

E continuou: “Estou melhor que outros três [Patrícia, Nayara e Ana Paula]. Eu achei que estava forte, mas vendo deste jeito, acho que não”.

Durante a conversa, o ex-brother aproveitou para desabafar sobre uma possível ‘traição’ de Lucas. “Foi só um impulso, eu não deveria ter tocado nesse assunto, eu fui pedir desculpas para ele por causa disso. Mas para mim você não precisa beijar uma pessoa para mostrar afeto, só de dividir uma cama é trocar afeto. Para mim, tudo aquilo ainda é uma traição”, afirmou.

O paulista agradeceu o carinho que recebeu de Kaysar dentro da casa. “Se eu não tivesse o Kaysar do meu lado, eu tinha pedido para sair. Ele era minha fuga, a gente saia para brincar para fugir de tudo. Quando eu não queria falar de jogo, eu ia atrás dele. Eu quero levar ele como amigo para vida. Nossa amizade cresceu de um tempo para cá, desde então eu não tinha ele como opção de voto.”

Por fim, Caruso revelou para quem vai sua torcida: “Eu torço para duas pessoas: Viegas e Kaysar. Mas vendo todo esse panorama, eu acho que está mais para o Kaysar, que é bem imparcial”.



Close sidebar