Vencedor do “BBB 12”, Fael se casa com dentista no MS


© Instagram


Fael Cordeiro, vencedor do “Big Brother Brasil 12”, da TV Globo, se casou com a dentista Anna Flavia, no Mato Grosso do Sul. O médico veterinário surgiu em sorridente ao lado da, agora, esposa, em um clique do Instagram.

VOCÊ VIU? Dennis Carvalho se emociona ao relembrar morte do filho com Torloni

Saiba por que participante foi expulso do “BBB” antes da estreia

David Brazil expõe namoro de Anitta com rapaz carioca

Faustão dá beijo na boca de Susana Vieira ao vivo no “Domingão”

O ex-BBB – que abriu um centro de capacitação para veterinários e agrônomos – revelou como investiu seu dinheiro após o programa. “Nunca pensei em parar de trabalhar. A diferença agora é que eu trabalho para mim mesmo. Não tenho mais patrão”, contou ao jornal “Extra”.

Fael também investiu em uma casa noturna de música sertaneja e comprou duas fazendas.

Vale lembrar que o empresário levou R$ 1,5 milhão para casa, na época.

  • © TV Globo

    BBB1 – Kléber Bambam

    Kléber Bambar se tornou o primeiro campeão do “Big Brother Brasil”, da Globo, em 2002, e ficou com o prêmio de R$ 500 mil. Com o dinheiro, comprou dois apartamentos e conseguiu multiplicar os rendimentos. Atualmente investe na carreira de fisiculturista. Chegou também a participar de programas de humor, como “Turma do Didi” e “Zorra Total”, além de ter posado para a revista “G Magazine”, em 2007

  • © TV Globo

    BBB 2 – Rodrigo Cowboy

    O vencedor da segunda edição do “BBB” nasceu no interior de São Paulo e sempre trabalhou em fazenda, por isso ganhou o apelido de Cowboy no programa. Investiu os R$ 500 mil do prêmio em imóveis. Assim que saiu da casa namorou com Thaís – que também participou desta edição do programa -, mas a relação não durou. Apresentou o programa chamado “Comando Sertanejo”, mas decidiu ficar longe dos holofotes

  • © TV Globo

    BBB 3 – Dhomini Ferreira

    Dhomini era assessor parlamentar antes de se tornar campeão do “Big Brother Brasil 3”. Durante a atração, viveu um relacionamento com a então desconhecida Sabrina Sato. Chegou a voltar para o “BBB 13”, mas saiu com rejeição após contar a história de maus-tratos contra um cachorro. Atualmente casado e com cinco filhos, o veterano trabalha com vendas e promove palestras. Ele gastou todo o dinheiro com terrenos e imóveis e conseguiu multiplicar o patrimônio

  • © TV Globo

    BBB 4 – Cida dos Santos

    A ex-babá Cida conquistou, em 2004, o título de primeira mulher a vencer o “Big Brother Brasil”. Com o dinheiro do prêmio, ela cuidou do visual e comprou uma casa em Mangaratiba, na zona litorânea do Rio. Depois de ganhar o “BBB”, a carioca só voltou a ser notícia em 2007, nas páginas policiais, ao ser agredida pelo marido, um policial militar, na frente do filho. Detalhe: eles se conheceram quando ele ainda era o segurança particular dela. A moça até tentou empreender, mas não teve muito sucesso e acabou fechando o bazar que mantinha em sua cidade

  • © TV Globo

    BBB 5 – Jean Wyllys

    Jean Wyllys venceu o “Big Brother Brasil 5” no ano em que a produção decidiu aumentar o prêmio para R$ 1 milhão. O famoso utilizou o dinheiro para ajudar seus familiares e chegou a trabalhar no “Mais Você”, da Globo, como repórter. Escreveu um livro sobre o programa, atuou na área cultural, voltou a dar aulas em universidades e foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro. Atualmente segue na carreira política

  • © TV Globo

    BBB 6 – Mara Viana

    A ex-auxiliar de enfermagem Mara Viana soube bem o que fazer com o dinheiro do prêmio do “BBB 6”: ajudou os irmãos e ainda realizou o sonho de pagar o tratamento da filha, que tem paralisia cerebral. A veterana também montou uma escola e investiu em aluguéis de imóveis construídos por ela em Porto Seguro, na Bahia

  • © TV Globo

    BBB 7 – Diego “Alemão”

    Diego Alemão foi a grande atração da sétima edição do “Big Brother Brasil”, ao criar o primeiro triângulo amoroso do programa com Iris Stefanelli e Fani Pacheco. Com o prêmio, o administrador de empresas comprou um apartamento na Barra da Tijuca e um carro, e abriu uma empresa de produção artística. Em 2010, ele comandou as edições do “Aquecimento BBB” e do “A Eliminação”, mas acabou sendo substituído por Priscila Pires após uma discussão com a ex-participante Elenita em uma das gravações. Depois disso, Alemão assumiu o comando do boletim Hipertensão, em 2011. Espetacular”. Atualmente investe na área de construção civil e ainda faz presença VIP em eventos

  • © TV Globo

    BBB 8 – Rafinha

    Rafinha teve uma final disputada com Gyselle Soares e venceu com 50,15% dos votos. O rapaz utilizou o prêmio de R$ 1 milhão para investir em imóveis e um estúdio de tatuagem em Campinas, interior de São Paulo. Depois, ainda montou um estúdio de música, que é alugado para profissionais ensaiarem

  • © TV Globo

    BBB 9 – Max Porto

    Considerado o mais racional e estrategista do jogo, Max ganhou o “BBB” por uma diferença de apenas 24 décimos para a segunda colocada, Priscila Pires. Sem revelar o destino de sua fortuna, o artista plástico continua investindo em seu trabalho, se envolvendo também na parte administrativa de seu negócio. Depois de se relacionar com Francine no programa, Max assumiu um relacionamento com a modelo Karoline Pinheiro, com quem teve uma filha, Luna

  • © TV Globo

    BBB 10 – Marcelo Dourado

    Marcelo Dourado é o vencedor mais polêmico de todas as edições. Depois de passar pelo “BBB 4”, o lutador teve a oportunidade de reescrever sua história no programa. Soube usar a rejeição dos confinados na décima edição a seu favor e conquistou o público. Seu paredão com o maquiador e drag queen Dicésar bateu o recorde de votações da história do “Big Brother” no mundo: foram mais de 100 milhões de votos. Com 60% de aprovação do público, o fortão saiu da casa mais vigiada do Brasil como campeão. Depois de levar a bolada para casa, Dourado saiu dos holofotes. Discreto, revelou ao “Altas Horas” que utilizou boa parte do prêmio para investir na carreira de atleta, já que não tinha patrocínio

  • © TV Globo

    BBB 11 – Maria Melilo

    A terceira mulher a vencer o “Big Brother Brasil” conquistou o público por não ter medo e nem vergonha de mostrar seus sentimentos e desejos. Formou um triângulo amoroso com Mau Mau e Wesley. Depois de levar vários foras do músico carioca, Maria Melilo se dedicou à leitura de um livro de auto-ajuda e resolveu dar uma chance para o médico, com quem continuou namorando após o fim do programa, até agosto de 2011. Fora da casa, trabalhou como atriz na novela “Insensato Coração” e “Casseta e Planeta”. Também foi repórter do “TVFama”, da RedeTV!

  • © TV Globo

    BBB 12 – Fael

    O sul-mato-grossense Fael conquistou o carinho do público brasileiro e foi tido como um dos favoritos desde o início do “BBB 12”. Durante o jogo, não ficou em cima do muro – embora tivesse mantido um bom relacionamento com todos da casa. Pertencente ao grupo do Quarto Praia, ele era um dos caras que preservava a paz no confinamento. No quesito amoroso, o bonitão só se envolveu com Noemí, uma integrante do “BBB” espanhol que fez uma participação especial na edição brasileira. O rapaz levou o prêmio de R$ 1,5 milhão com 92% dos votos. Investiu tudo e hoje tem fazendas de criação de gado e plantação de soja. Também administra uma casa noturna em Mato Grosso do Sul

  • © TV Globo

    BBB 13 – Fernanda Keulla

    Fernanda Keulla foi a grande vencedora da 13ª edição do “BBB”, levando para casa R$ 1,5 milhão. A loira viveu um romance com André na casa e, aos poucos, se tornou a favorita do público. Discreta depois de sair do confinamento, a bela garantiu que o dinheiro permanece guardado – o pai administra o valor. Advogada por formação, ela está investindo na carreira de apresentadora e chegou a fazer parte da equipe do “Vídeo Show”

  • © TV Globo

    BBB 14 – Vanessa Mesquita

    Vanessa Mesquita foi a grande vencedora da 14ª edição do “BBB” e levou para casa R$ 1,5 milhão. Dentro do confinamento, a loira ganhou fama por protagonizar o primeiro casal lésbico da atração com Clara Aguillar. Após ganhar o reality, o relacionamento ainda durou mais alguns meses. Atualmente, Vanessa trabalha para atender animais abandonados e abriu uma clínica veterinária com o dinheiro que ganhou no reality

  • © TV Globo

    BBB 15 – César Lima

    César Lima foi o grande campeão da 15ª edição do “BBB”, da TV Globo. Com seu jeito humilde, o brother conquistou o público e levou para casa o prêmio de R$ 1,5 milhão. Investiu toda a grana e se lançou como cantor. Contudo, decidiu voltar à faculdade e, após terminar o curso de Direito, foi aprovado na OAB

  • © TV Globo

    BBB 16 – Munik Nunes

    Munik Nunes venceu o “Big Brother Brasil 16” e se tornou a participante mais jovem da história do reality a virar milionária – aos 19 anos. A goiana levou a melhor contra Maria Claudia e investiu todo o dinheiro. Passou a faturar com presença VIP e propagandas. Casou-se com Anderson Felício, com quem participou do “Power Couple Brasil”, da Record

  • © Instagram

    BBB 17 – Emilly Araújo

    Emily Araújo venceu o “BBB 17” após viver um relacionamento conturbado na casa com Marcos Harter – que resultou em denúncia e expulsão do médico do programa. A jovem chegou a morar um tempo no Rio de Janeiro, mas acabou voltando ao Sul do país. Atualmente investe em aulas de teatro e lucra com publicidade em rede social

  • © TV Globo

    BBB 18 – Gleici Damasceno

    Gleici Damasceno conquistou o público aos poucos e acabou se tornando a grande campeã do “Big Brother Brasil 18”, da Globo. Milionária, a acreana utilizou apenas parte do prêmio de R$ 1,5 milhão para comprar uma casa para a mãe e garante não ter mexido no restante ainda. Atualmente vive um relacionamento com Wagner Santiago, com quem começou a flertar ainda no confinamento



Close sidebar