Após aceitar convite para ser intérprete, Juninho Branco adianta novidade sobre desfile da Pérola Negra: “Virá muito forte”


© Bruno Félix/Famosidades


Depois de anos como intérprete da Leandro de Itaquera, Juninho Branco agora terá um novo desafio em sua carreira. O músico cantará o samba da Pérola Negra no Carnaval de São Paulo deste ano e explicou o motivo de sua escolha pela agremiação da Vila Madalena.

Veja Também:

Alex Soares estreia como intérprete e quer retribuir o carinho da Tucuruvi

“Foi um fim de ciclo que eu tive lá na Leandro [de Itaquera]. Fizemos um trabalho de muitos anos e no fim de 2015 encerramos o ciclo. Tivemos conversa com outras escolas, mas acabamos batendo o martelo com a Pérola Negra”, revelou ao Famosidades.

Ainda sobre esse assunto, o cantor acrescentou: “Foi a proposta de trabalho da escola. Conforme as coisas foram acontecendo, foi ficando claro para mim que era na Pérola que eu teria que ficar mesmo”.

Confiante com o desfile de 2016, o artista acredita que a escola poderá trabalhar por uma das primeiras colocações. “A Pérola Negra virá muito forte. Tivemos uma porção de problemas com relação nossa quadra, dificuldades que enfrentamos. Isso ajudou a nos deixar unido e estamos confiando no trabalho que fizemos”, ressaltou.

Aos foliões que acompanham a agremiação, o intérprete não deixou de mandar um recado: “Podem esperar um desfile solto, alegre e um samba gostoso. Quem gosta da Pérola Negra vai se orgulhar”.



Close sidebar