Paulo Barros deixa a Unidos da Tijuca


© Divulgação


Na tarde desta última quinta-feira (5), as negociações entre Paulo Barros e a Unidos da Tijuca foram encerradas. No entanto, não houve acordo em alguns pontos e o carnavalesco e o presidente da escola, Fernando Horta, colocaram fim às tratativas de forma amigável.





VOCÊ VIU? Gretchen rebate o machismo: “Sou símbolo de independência”

Moacyr Franco deixa Raul Gil para trabalhar em série da Globo

Rosanne Mulholland e Marcos Veras anunciam primeira gravidez

Anitta é eleita uma das “mulheres mais poderosas do Brasil”

“Não houve discussão, foi tudo bem, a questão é que o Horta e eu não nos acertamos em alguns pontos, que, para mim, são cruciais, mas nada tem a ver com dinheiro. Essa não foi a questão. Eu estou tranquilo quanto ao meu futuro. O que tiver que ser, será”, disse o carnavalesco, segundo informações do colunista Leo Dias.

Nas redes sociais, a escola agradeceu ao trabalho do carnavalesco e desejou sorte a Paulo Barros. Neste ano, o enredo “Arquitetura e Urbanismo: Onde Moram os Sonhos” da escola ficou em 9º lugar, fora dos Desfiles das Campeãs.