“Escrava Mãe”: Almeida suspeita de Kamau


© Record


Filipa conversa com Quintiliano e mostra alguns documentos. Quintiliano se aborrece com Filipa e diz que ela não pode chantageá-lo com um casamento arranjado por ele em troca de liberdade de escravos. Filipa diz que não queria aborrecê-lo, mas que era uma boa alternativa para acabar com o comércio de escravos. Quintiliano encerra o assunto e pede que ela se arrume para receber seu futuro marido.





Dr. Pacheco visita Urraca para consultá-la e ela se insinua para ele e diz que não quer apenas seus receituários. Urraca se estica toda para ser beijada e derruba uma prataria. Dr. Pacheco tenta fugir, mas Urraca o cerca. Dr. Pacheco diz à Urraca que não pode correspondê-la, pois já está comprometido com outra dama. Urraca se espanta.

Loreto pede à Rosalinda que mantenha Kamau na jardineira a noite toda, pois Almeida está desconfiado que ele seja o Cavaleiro da Mancha e o proibiu de ensinar o filho. Se durante a noite o Cavaleiro da Mancha voltar a aparecer ficará provado que Kamau não tem culpa de nada. Rosalinda compadece de Loreto.