Andre Gonçalves relembra personagem gay: “Fui perseguido”


© Divulgação/Record


Na última segunda-feira (23), André Golçalves participou do “Programa do Porchat”, da Record, e relembrou de Sandrinho, seu personagem gay em “A Próxima Vítima” (1995), TV da Globo. O ator contou que o papel lhe rendeu diversas situações de preconceito.





VOCÊ VIU? Família teme por segurança de Gleici no bairro em que vive

Zezé di Camargo é ‘zoado’ após noiva postar foto do bumbum

Marco Nanini pede para deixar elenco de “Deus Salve o Rei”

Gleici revela o que pretende fazer com prêmio do “BBB 18”

“Apanhei, fui perseguido, tomei ovada. Não foi só esse episódio, tive de andar de segurança por três meses, fui ameaçado de morte, perseguido por um grupo do bairro em que eu morava”, relatou a Fábio Porchat.

Em 2011, ainda na emissora carioca, o artista viveu Áureo, também homossexual, para trabalhar em “Morde e Assopra”: “São personagens incríveis que ajudaram a desmistificar esses dilemas, a abrir a cabeça das pessoas”.

Apesar dos avanços, André afirmou que acredita que a sociedade tenha “retrocedido bastante em termos de violência contra à liberdade do outro”.