Asa Branca morre, aos 57 anos


© Divulgação


O locutor Asa Branca morreu nesta terça-feira (4), aos 57 anos de idade, em razão de um câncer na mandíbula. Ele estava internado desde o sábado (25), no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, com oxigênio baixo e dores fortes na região dos tumores. Nos últimos dias, Asa não se alimentava mais nem por sonda e não reconhecia os familiares e amigos.





VOCÊ VIU? Mateus Solano e Luis Miranda reestreiam peça premiada

“Porta Afora” com Porchat e Hermann chega à 6ª temporada

Vladimir Brichta é cotado para viver jogador de futebol

Márcio Garcia pode assumir as tardes de sábado na Globo

A família confirmou a morte de Asa Branca por meio de uma publicação em sua rede social. “É com muito pesar que informo a todos o falecimento do nosso querido Waldemar Ruy Asa Branca dos Santos”. Além disso, o comunicado incluiu uma frase do locutor: “Nunca abandone um amigo, independente de sua situação”.

No final de 2019, ele ficou internado por uma semana no Instituto do Câncer de São Paulo para tratar infecções após rompimentos de tumores. Sandra dos Santos, sua mulher, contou que ele não estava mais suportando as fortes dores, já que a morfina tinha parado de fazer efeito. O locutor também era portador do vírus HIV.