Assustada, Adriane Galisteu conta a rotina da família


© Instagram


Adriane Galisteu, que segue no isolamento com o marido, Alexandre Iódice, e o filho, Vittorio, contou que está muito assustada com os números de infectados e mortos com o coronavírus, mas tentando manter a positividade. A pandemia fez com que a sua sogra, Suely Iódice, fosse internada em um hospital em São Paulo.





VOCÊ VIU? Juliana Paes sobre “Totalmente Demais”: “Minha primeira vilã”

Thiago Martins curte pausa do trabalho com os cachorros

Titi Müller faz ensaio de gestante improvisado: “#xatiada”

Kylie Jenner doa dinheiro e ajuda no combate da Covid-19

“Estou com o medo e a incerteza que todo mundo tem encarado neste momento. Mas também tenho a sensação que nós vamos sair dessa melhor do que entramos. Acredito que tem dia e hora apara acabar. Estamos respeitando a quarentena, fazendo o afastamento social, a parte da higienização. Está difícil! Não é simples administrar a cabeça, o tempo, o ócio e ao mesmo tempo tanta coisa para fazer em casa. Acho que a positividade, tranquilidade e paz, mesmo diante deste caos, são muito importantes nessa hora”, avaliou.

A loira conta que tem evitado sair de casa. Até as compras no mercado e farmácia, que ela faz toda semana para sua família, mãe, Emma, e sogro, Valdemar Iódice, estão sendo realizadas com muita segurança.

“A gente sai de casa o mínimo possível. Eu costumo fazer duas vezes por semana farmácia e mercado por causa da minha mãe e sogro, mas desta vez a gente está fazendo diferente. O Alê vai de luva, máscara e com o álcool gel. Quando chega em casa, ele desinfeta absolutamente tudo, do pacote as roupas. É um trabalho louco, mas tem sido a nossa rotina para no sentirmos mais seguros.”, revelou a apresentadora.



Adriane tem feito diversas lives em sua rede social para entreter os fãs. Apesar disso, ressaltou que a pior parte disso tudo é não poder abraçar e ter o colo da mãe.