Ator vence ação movida por autores de música de Luan Santana


© Twitter


Vinícius Vieira venceu na Justiça uma ação movida pelos autores de “Amar Não é Pecado”, música que ficou famosa na voz de Luan Santana. O humorista havia sido acusado de ofender a obra.

VOCÊ VIU? Em “Paraíso”, Renato será desmascarado por Clara

Maria Melilo viaja a Portugal com novo amor de 75 anos

Pedro Scooby irrita atendentes em camarote da Sapucaí

Globo produzirá reportagem especial sobre Kaysar do “BBB 18”

Segundo o colunista Leo Dias, os escritores da canção não aprovaram uma paródia feita pelo ator em um programa de rádio, em São Paulo, e decidiram abrir o processo.

Registrado em 2012, os autores pediam cerca de R$200 mil reais de indenização por dano a imagem do sertanejo.

Na época, Vinícius ficou muito irritado ao ser intimado. “Eu sou fã do trabalho do Luan e, pense bem, a gente [humorista] só imita quem está fazendo sucesso. Eu tenho liberdade de imitar quem eu quiser, assim como ele também pode não gostar. Mas querer me processar por R$ 200 mil”, disse ao “R7”.

E completou: “As pessoas ficam ofendidas muito fácil. Não existe piada que não ofenda… A gente brinca com os gordinhos, com os muito altos, com os baixinhos. Eu fiz a brincadeira em uma rádio e ele quer R$ 200 mil”.



Close sidebar