Bial sobre problema no coração: “Deu pena de ir embora cedo”


  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © TV Globo
  • © TV Globo
  • © TV Globo
  • © TV Globo
  • © TV Globo


Pedro Bial revelou estar escrevendo um livro a respeito de sua experiência após passar por uma cirurgia às pressas no coração, em setembro do ano passado. O apresentador da TV Globo, que confessou ter ficado com “dó” de morrer, relatará na publicação sua visão sobre o ocorrido.

VOCÊ VIU? Fátima e novo namorado já tiveram ‘lua de mel’ na Europa

Namorado desconversa sobre Fátima: “Prefiro não falar”

Grávida, Patricia Abravanel cai ao vivo no palco do Teleton

Jacqueline Brazil estreia no “JN” e faz sucesso na web

“Me deu pena, me deu um dó de ir embora tão cedo. A festa está boa, e eu nem aprendi a dançar ainda. Mas desde então eu estou pensando muito nisso, escrevendo sobre isso, fui provocado pelo Drauzio Varella que escrevesse sobre a experiência”, contou a Bárbara Paz no “A Arte do Encontro”, do Canal Brasil.

O veterano também disse que ‘conheceu’ a morte ainda criança. “Eu fui apresentado a ela quando meu pai morreu, eu era muito moleque, me senti muito traído, abandonado, enganado”, relembrou.

Pai de cinco filhos e à espera do sexto – a esposa do famoso, Maria Prata, está grávida de Laura -, Bial garantiu não ter fé. “Eu não acredito em po#$* nenhuma, aí não posso dizer que tenho fé. E isso é mal de profissão. Eu não conheço nenhum jornalista que acredita em alguma coisa, pelo menos nenhum bom jornalista, e eu me considero um jornalista razoável.”



Close sidebar