Biografia de Leila Lopes revelará assédios sofridos por diretores da Globo


© AgNews


Cacau Oliver, organizador do Miss Bumbum, começou a preparar uma biografia sobre Leila Lopes, que cometeu suicídio em 2009, com os manuscritos deixados pela atriz. Em um deles, a jornalista relatou que sofreu assédio na TV Globo.

“Sofri assédio de dois diretores da Globo. Com um deles tive até um caso rápido. Ele estava apaixonado e eu não quis continuar. Depois (o diretor) viveu com uma grande atriz”, dizia o texto, segundo o jornal “Agora S. Paulo”.

O livro deverá ser finalizado no começo de 2016. “A Leila sempre foi uma pessoa que levou a sério a sua vida profissional e muitas vezes era incompreendida. Pela memória dela, sinto que ela merece ter sua história contada. Nos manuscritos deixados por ela estão os motivos que, acredito, a levaram ao suicídio”, disse Cacau ao “Ego”.



Close sidebar