Casal alega ser meio-irmãos das Kardashians e pede DNA, diz site


  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Divulgação


O clã Kardashian pode estar prestes a ganhar dois novos herdeiros. Um homem e uma mulher entraram na Justiça para serem reconhecidos como filhos de Robert Kardashian.

O empresário morto em 2003 é pai das filhas mais velhas de Kris Jenner: Kim, Khourtney e Khloé. Segundo o site “Radar Online”, o casal já entrou como uma ação para poder fazer exame de DNA para comprovar a paternidade.

VOCÊ VIU? Kim Kardashian faz teste de gravidez em avião: “Ataque de pânico”

“A família inteira está arrasada com essa possibilidade”, afirmou uma fonte próxima às socialites americana.

A dupla não é irmã. O homem e a mulher são frutos de ex-affairs de Robert. Os romances teriam ocorridos na década de 90, após o fim do casamento do empresário com Kris. “Mesmo assim a família fica bastante abalada com essa notícia”, disse a fonte.

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que o clã passa por esse tipo de situação. Em 2013, uma britânica alegou ser irmã das Kardashian, mas um DNA provou que a jovem não era filha de Robert.



Close sidebar