Cauã Reymond revela os seus desafios como pai


© Instagram


Pai de Sofia, de 8 anos, de seu relacionamento com a atriz Grazi Massafera, Cauã Reymond falou sobre a paternidade nos tempos atuais. O ator, que fica com a filha 15 dias por mês por conta da guarda compartilhada, contou que optou por não ter uma babá para passar mais tempo com a criança.

VOCÊ VIU? Lombardi revela apreensão com Camila em “Verdades Secretas”

Zeca Camargo faz desabafo sobre momento do Brasil

Sem dieta, Kelly Key diz que perdeu 4 quilos na quarentena

Iza desabafa contra o racismo: “Nós não queremos morrer”

Em entrevista ao perfil Espaço Mundo Mãe no Instagram, que trata de temas para toda a família, Cauã Reymond acredita que a falta de tempo para passar com os filhos é o grande desafio da paternidade e da maternidade. Para o ator, os pais precisam aproveitar melhor o tempo com suas crianças, deixando o celular de lado.

“Acho que o maior desafio da paternidade e da maternidade é passar tempo com os nossos filhos. O mundo está cada vez mais competitivo, nós precisamos nos entregar de uma forma maior para o trabalho, o tempo de trabalho é cada vez mais longo, levamos trabalho para casa. Eu entendo que é um desafio, para todos os pais hoje em dia, poder passar tempo com seus filhos. Mesmo tendo ajuda dos avós ou de uma babá, ou às vezes de uma pessoa que trabalha na casa e ajuda na rotina. Por isso que eu realmente tento estar presente com a Sofia e deixar o celular de lado em várias ocasiões. Mas também tento mostrar para ela que tem momentos em que o papai precisa trabalhar. Acho que é um bom exemplo ela saber que os pais estão trabalhando para fazer da vida dela melhor, para a vida da família inteira correr de uma forma bacana”, afirmou o ator.
Cauã Reymond também falou sobre a rotina com Sofia nesse período de quarentena. O ator contou que acompanha de perto a educação escolar da filha e destacou o papel dos professores.
“Quando Sofia está na minha casa, ela tem uma aula on-line de manhã, depois pausa para o almoço e volta para outra aula à tarde. Eu sempre a acompanho para poder ajudá-la, às vezes com um dever ou com algum material. As escolas também estão tentando encontrar uma forma de educar os nossos filhos e estão fazendo um esforço enorme, principalmente os professores, que viraram, de certa forma, influenciadores digitais para encontrar um jeito de passar esse conteúdo”, afirmou.