Cesar Filho diz que não vê cenas de beijo de Elaine Mickely


© Instagram


Dono de uma voz singular, Cesar trabalha como jornalista há quase 40 anos, na televisão e no rádio. Já apresentou o ‘Fantástico’, ‘Globo de Ouro’ e ‘TV Mulher’ na emissora carioca, comandou um programa diário na extinta TV Manchete, além de registrar passagens por telejornais da TV Cultura e Bandeirantes. Apesar de toda experiência, ele ficou fora do ar por dez anos, entre o início dos anos 1990 e 2000.





VOCÊ VIU? Ludmilla grava DVD de pagode no topo do Pão de Açúcar (RJ)

Relembre os clubes e os gols de Maradona na carreira

Luan Santana grava clipe que homenageia os caminhoneiros

Bon Jovi anuncia live de novo álbum nesta sexta (27)

“Mesmo eu já tendo um nome e já sendo conhecido pelo público, ninguém abria as portas para mim e não sei o porquê”, afirmou.

“Teve uma época em que pensei em desistir, eu cheguei ao fundo do poço. E aí tocou meu telefone e era o Silvio [Santos] me chamando para retornar à televisão, ele estava querendo reviver o ‘SBT Repórter’. Acho que Deus viu mesmo que eu estava querendo jogar a toalha”, revelou o jornalista, que ficou na emissora entre 2005 e 2014.

Cesar Filho conta ainda que foi nessa época conturbada, sem emprego, que conheceu sua esposa, Elaine Mickely, dizendo que ela foi fundamental para que ele persistisse na profissão. Casados há 20 anos, ele afirma não ser um marido ciumento e diz também ser um incentivador da esposa. “Ela é atriz, dou minha opinião [sobre seu trabalho]. Mas só peço para me avisar se tiver cenas de beijo, para eu não ver”.



Em 2007, Elaine foi convidada para ser capa e posar nua para uma revista masculina. No bate-papo, Cesar recorda o que respondeu para a amada na ocasião: “Acho que não precisa fazer, mas se você achar que deve, vou exigir para eles que as condições sejam as melhores e que o trabalho seja o mais bonito possível”.