Com Covid-19, Juliano Laham teve 70% do pulmão comprometido


© Instagram


Na noite desta última terça-feira (5), Juliano Laham assustou os fãs ao contar que havia sido internado na UTI por causa do coronavírus e teve 70% do seu pulmão comprometido. O ator também falou sobre um quadro de miocardite [inflamação do músculo do coração], que ressurgiu e piorou a sua recuperação.





VOCÊ VIU? Internado há três meses, Milton Gonçalves apresenta melhora

Vencedora do “BBB”, médica Thelma se surpreende com covid-19

Zeca Pagodinho vai realizar live no Dia das Mães

Daiana Garbin avisa: “Quero ensinar minha filha a ser livre”

Segundo bate-papo com a “Quem”, nesta quarta-feira (6), Juliano disse que já está curado, mas que segue em acompanhamento médico. “Estou bem, agora! Estou em isolamento, mas em minha casa e seguindo as recomendações médicas pelo tempo determinado pelos especialistas que cuidaram do meu caso.”, explicou.

No Instagram, o ator publicou uma foto em que aparece usando máscara de proteção e contou como passou pelo tratamento da Covid-19. Ele aproveitou para incentivar seus seguidores a se protegerem.

“Fiquei 37 dias isolado sem sair de casa. Sendo mais preciso, saí duas vezes para ir até o supermercado com todo o cuidado necessário e recomendado. Nas outras vezes que precisávamos de algo, fiz as compras/pedidos via aplicativos”, disse.



O artista revelou que viu muitas pessoas entubadas próximo a ele e contou como sentiu os primeiros sintomas da doença, há duas semanas. “Falta de ar, dores no corpo, (mais precisamente na cabeça e no estômago), e mais tarde alguns episódios de vômitos com sangue, o que me fez recorrer ao hospital”, contou aos seus seguidores, completando. “Recebi a notícia de que meu pulmão estava 70% acometido, e fui internado na UTI. Meu teste para detectar esse vírus deu negativo por duas vezes, mas segundo os especialistas eu provavelmente fui falso-negativo.”, ressaltou.