Compadre Washington recebe alta após quatro dias internado


© Instagram


Compadre Washington deixou o Hospital das Clínicas, em São Paulo, na noite da última quinta-feira (23). O artista esteve por quatro dias internado no centro médico.





VOCÊ VIU? Ex-lutadora Ashley Massaro morre aos 39 anos

Letícia Almeida pede revisão da pensão de R$ 1 mil da filha

Rodrigo Santoro beija boca de Tata no “Lady Night”: “Vim para isso”

Pastor se recusa a assumir namoro com MC Pocahontas

O famoso foi atendido com urgência após aparecer com ferimentos na cabeça. Ele havia sido agredido durante um assalto depois de fazer um show na Virada Cultural.

Apesar do susto, o líder do É o Tchan não correu nenhum risco. “Foram feitos alguns exames e não foi diagnosticado nada com relação a nenhuma gravidade no cérebro”, destacou o empresário ao “G1”.



Um boletim de ocorrência já foi registrado em nome de Compadre Washington. A polícia investiga o caso, mas os responsáveis acabaram desaparecendo em meio ao tumulto.

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Reprodução

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Reprodução

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”

  • © Instagram

    Compadre Washington ficou nacionalmente conhecido na década de 1990 como vocalista do “É o Tchan”