Criador de reality exige que esposa faça aborto e a agride após recusa


© YouTube


Mike Fleiss, o criador do “The Bahelor” (2002), foi acusado de agredir a esposa grávida. Laura Marie Kaeppeler entrou com um pedido de prisão preventiva após o marido supostamente a atacar após ela se recusar a fazer um aborto.





VOCÊ VIU? Ex-noivo fala pela 1ª vez sobre suicídio de blogueira: “Acabado”

Pedro Cardoso grava com Maisa e vira piada nos bastidores do SBT

Saiba quanto Antônia Fontenelle herdou de Marcos Paulo

Kylie Jenner é acusada de abusar do Photoshop em cliques com amiga

“Enquanto estávamos em nossa casa em Kauai, Mike exigiu que eu fizesse um aborto”, diz a ex-Miss Amércia no documento divulgado pelo “Radar Online”.

E continua: “Nosso filho Ben estava em casa, sentado em outro quarto próximo. Mike me disse: ‘Se você fizer um aborto, podemos simplesmente voltar ao que éramos’”.

Na denúncia, a morena contou também que essa não foi a primeira vez foi vítima de abusos do esposo. “Embora Mike tenha sido verbalmente abusivo comigo durante nosso casamento, nas últimas semanas ele ficou furioso, porque estou grávida de nosso segundo filho. Mike me disse muitas vezes que não queria que tivéssemos um segundo filho”, afirmou.

Entretanto, a possibilidade de ter outro herdeiro era algo que o veterano sabia que poderia vir a acontecer: “Ele também me disse repetidamente durante todo o nosso casamento, e antes de nosso casamento, que ele sabia que “teria de ter” um filho comigo porque eu tinha 26 anos quando nos casamos, ainda não tínhamos filhos, e ele sabia que eu queria ter uma família. Mike, no entanto, com 55 anos de idade, não queria ter mais de um filho juntos”.

Vale lembrar que fotos da agressão também foram divulgadas pelo site e têm circulado nas redes sociais desde então.