Daniel retoma cadeira de técnico no “The Voice+” em 2021


© Divulgação/TV Globo


Daniel já um rostinho conhecido no “The Voice”. O cantor, que participou das três primeiras edições da atração brasileira, retornará ao programa em 2021 para a edição “The Voice+”, com participantes acima de 60 anos de idade.





VOCÊ VIU? Dennis DJ bate um bilhão de views no canal do Youtube

Dulce María sobre live do RBD: “Me dói não poder participar”

Ludmilla grava clipe de “Rainha da Favela” na Rocinha, no RJ

Gabi Martins lança sofrência inspirada em Gui Napolitano

“Vou adorar voltar a girar a cadeira”, afirmou o cantor, animado com a chance de avaliar talentos sêniores.

De acordo com Daniel, o ano de 2020, marcado pela pandemia do novo coronavírus, trouxe uma nova maneira de compreender e avaliar as mudanças no cotidiano. “Esse grande aprendizado fez a gente colocar a mão na consciência e ver que somos muito pequenininhos, não fazemos nada sozinhos.”

Durante a fase de distanciamento social, Daniel teve a chance de ficar períodos maiores na cidade de Brotas, no interior de São Paulo, na companhia da esposa, Aline, e das filhas, Lara e Luisa. Nascido e criado no município, o cantor também tem convivência próxima com os pais, Maria Aparecida e José Camillo, e o irmão, Gilmar.



Acostumado desde criança com as necessidades especiais do irmão, Daniel é engajado em campanhas solidárias como o Teleton, em prol da AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente).



“Tenho a honra de dizer que participo desta história há 23 anos. A distância não vai atrapalhar em nada. A essência é a mesma e tenho certeza de que vamos obter um resultado muito positivo”, afirmou Daniel sobre o Teleton.