Danilo Gentili é condenado a indenizar doadora de leite após piada; humorista pode recorrer


© Instagram


Danilo Gentili, Marcelo Mansfield e a Band foram condenados pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, na última terça-feira (13), ao pagamento de R$ 200 mil a Michele Rafael Maximino. Os três foram processados pela técnica de enfermagem após uma piada feita sobre ela no extinto programa “Agora É Tarde”.





Veja também:

Renato Aragão perde briga judicial contra a atriz Fernanda Brasil

A mulher de 33 anos ficou conhecida em fevereiro de 2014 por ter doado mais de 420 litros de leite materno. Na ocasião, ela relatou que iria se candidatar ao Guinness Book como maior doadora de leite materno do mundo. Ao saber da notícia, o então apresentador do talk show chamou a pernambucana de “vaca” e a comparou ao ator de filmes adultos Kid Bengala.

“O prejuízo é gravíssimo, pois causou na autora lesão grave tendo sua imagem sido utilizada de forma humilhante e degradante, causando consequências devastadoras para a autora e sua família”, diz a liminar, segundo o “G1”.



As partes ainda podem recorrer da decisão. Vale lembrar que Michele chegou a pedir R$ 1 milhão de indenização e, em 2013, a Justiça determinou que a emissora do Morumbi deveria pagar multa de R$ 5 mil caso o trecho do programa em questão não fosse retirado na internet.








Close sidebar