Dany Bananinha sobre a maternidade: “Tem sido desafiador”


© Instagram


Dany Bananinha, de 43 anos de idade, foi mãe recentemente e tem sido obrigada a viver a maternidade de um modo muito diferente do que sempre imaginou. Apesar disso e de todas as regras de distanciamento impostas pela pandemia do novo coronavírus, a modelo afirmou que tem vivido uma fase de muita alegria ao lado da sua primeira filha, Lara, de 3 meses.





VOCÊ VIU? Max Fercondini revela planos: “10 anos vivendo embarcado”

Após 44 anos, Renato Aragão deixa a Rede Globo

Carla Diaz fala como foi interpretar Suzane von Richthofen

“Show dos Famosos” terá nova edição somente em 2021

“Tem sido desafiador, ainda mais sozinha, sem ajuda desde sempre por conta da pandemia. Mas tem sido dias felizes, de muito aprendizado, cansaço e muita parceria entre eu e o papai para cuidarmos da melhor forma da Lara”, disse ela em entrevista ao “Jornal Extra”.

Atualmente, Dany tem a companhia somente do seu namorado, o fisioterapeuta Pedro Koellreutter. “É uma mudança radical na vida, lembro diariamente das noites em que eu escolhia só dormir sem ter compromisso no outro dia. Tudo muda, é bem louco. Louco e lindo”, disse Dany. Ela ainda acrescentou que, nos primeiros dias, as duas só choravam. “Lara, com fome, antes de ser amamentada, e eu de dor”, contou. “Pedro ficava do lado, quase chorando junto”, revelou.

A amamentação, além da conexão entre mãe e filha, também tem sido um lugar de experiências novas. “Amamentar é uma conexão muito boa. A dor é maior, mas a gente fica forte e aguenta. Apesar de todo cansaço e dor, a gente esquece de tudo isso quando ela dá um sorriso, segura minha mão na hora de mamar, reconhece minha voz”, ressaltou.



“O coração transborda de amor, cada dia mais. Olhar para boneca Lara e lembrar que saiu de dentro de mim, parece um sonho. Sinto orgulho, um amor forte e uma gratidão imensa”, afirmou Dany.



  • © Instagram