Desconectado! Alexandre Borges diz que não tem “nem WhatsApp”


© TV Globo


Alexandre Borges fez uma revelação sobre sua relação com a tecnologia que chega a ser surpreendente nos dias de hoje. O ator contou que é tão distante do mundo da internet que não tem nem WhatsApp – uma das principais ferramentas de comunicação atuais.





VOCÊ VIU? Luciana Gimenez é medicada durante passagem por Nova York

Irmão de Cauã Reymond faz homenagem emocionante à mãe

Após polêmica, Melody é proibida de usar maquiagem e decote

Ex-participante do “Top Chef” morre aos 29 anos

“Parei nos anos 90! Não tenho WhatsApp nem redes sociais e mesmo achando incrível toda essa tecnologia, sou um ator e um ator vive do concreto, do real, do olho no olho, do momento. Sou homem de mais olho no olho”, explicou ao “Uol”.

No elenco de “Verão 90” – trama das 19h da TV Globo que estreia nesta terça-feira (29) –, o artista fez um balanço de como foi viver o fim do século passado. “Eu vivi intensamente esse período. Tive muitos fatos importantes na minha vida como o casamento com a Julia [Lemmertz] e também consegui dar um ‘start’ na carreira, com as coisas acontecendo no teatro, no cinema e na própria televisão. Fui muito feliz.”

Sobre sua relação com os fãs antigamente, Alexandre entregou que sente saudade de como as pessoas demonstravam admiração por um artista. “Eu sinto falta das cartinhas e elas não existem mais. Esse contato direto entre o fã e artista era bacana, rolava emoção. Hoje, tudo é mais moderno, mais tecnológico e para mim tem que ser uma coisa mais simples”, avaliou.

  • © TV Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © TV Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © TV Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © João Cotta/Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © TV Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © TV Globo

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”

  • © Divulgação

    Alexandre Borges estreou no cinema em 1991, no curta-metragem “Paixão Cigana”. Depois disso, foi protagonista da novela “Guerra Sem Fim” (1993-1994), da Rede Manchete. Na TV Globo, seu primeiro trabalho foi em 1994, na minissérie “Incidente em Antares”