Eduardo Costa vende mansão, mas garante boa saúde financeira


© Instagram


O cantor Eduardo Costa vendeu sua mansão em Belo Horizonte, avaliada em R$ 11, 9 milhões. No entanto, o sertanejo garantiu que a venda do imóvel foi engajada por ficar localizado em uma rua, não dentro de um condomínio fechado. Sobre as finanças, ele garantiu que vai de vento em popa.





VOCÊ VIU? Kelly Key revela que perdeu 15 quilos durante quarentena

Mãe de filho de Neymar anuncia carreira musical

Crepúsculo pode ter mais 2 livros! Relembre os atores da saga

Nos EUA há 6 anos, Nívea Stelmann descarta morar no Brasil

“Não estava mais me sentindo seguro”, afirmou à coluna de Leo Dias.

Eduardo também comentou sobre a saúde financeira dos seus negócios. “Nessa pandemia, posso te falar uma coisa: nunca ganhei tanto dinheiro quanto agora. Já mexo com mercado de construção há algum tempo. E nunca se vendeu tanto imóvel de luxo como nesta pandemia. Estou com dois empreendimentos novos. Estou construindo um condomínio de luxo em uma praia do Espírito Santo e comprei uma fazenda no sul de Minas. Mas não compro fazenda para minha diversão. Fazenda para mim é negócio, além de eu gerar emprego, eu arrecado dinheiro também. A fazenda foi bem cara, comprei financiada e vou pagando com os lucros que ela gerar. Lá tem gado de corte, cavalos e plantação de café”, revelou.

De acordo com o cantor, a pandemia do novo coronavírus também serviu para que ele se reencontrasse espiritualmente. “A quarentena está sendo um ótimo momento para mim. Estou tendo tempo de visitar amigos de infância, ficar com minha família, andar a cavalo. Fazer coisas simples, que não tinha tempo, pois havia dezenas de shows por mês. Já decidi que só volto a cantar em abril do ano que vem e no máximo farei oito shows por mês. Quero seguir tendo tempo para minha família e amigos”, afirmou.