Em carta aberta, Lobão pede “humildemente” perdão a Chico Buarque, Caetano e Gil


© Divulgação


Conhecido por suas declarações polêmicas, Lobão surpreendeu ao publicar uma carta aberta de perdão para Caetano Veloso, Chico Buarque e Gilberto Gil, em seu Facebook, no domingo (27). Tudo aconteceu depois de o trio participar do “Altas Horas”, da TV Globo, e opinar sobre o atual cenário político brasileiro.





Veja também

Durante show em SP, Fábio Jr. recebe Xuxa no palco e detona Governo: “Só Dilma fora? E o resto da quadrilha?”

“Se estou eu, lutando pela verdade dos fatos, por alguma razoabilidade nos gestos, por justiça, honestidade intelectual, tolerância e entendimento, cabe a mim adotar esse rigor, antes de mais nada, a mim mesmo e por isso mesmo venho a público pedir minhas desculpas por ter sido, durante todos esses anos, desonesto a diminuir o talento de vocês três por pura birra, competição, autoafirmação ou até, vá lá, uma discordância genuína quanto a princípios ideológicos, políticos e metodológicos”, começou na rede social.

O músico, inclusive, pediu uma conversa de “pessoas crescidas, que estão nessa luta por um Brasil mais justo, cada um à sua maneira, com toda disposição para melhorar as condições do país em todos os sentidos”. “Vocês fazem parte, queira eu ou não, do meu DNA artístico e afetivo, do meu imaginário poético e são sim, artistas muito fora da curva, tanto na excelência das canções com na criatividade, na beleza e na inspiração de seus versos”, justificou.



Para finalizar, Lobão afirmou que “com humildade e dedicação” por um Brasil melhor. “A transformação se dá através do crédito moral, do afeto e de uma nova aliança, que permeará esse novo e maravilhoso Brasil que se vislumbra. Topam?”, questionou.