Ex-cunhado de Kaká faz post machista e ataca modelo: “Pu**”


© Instagram


Enrico Celico causou uma verdadeira confusão no Instagram, no último fim de semana, ao compartilhar um vídeo em que aparecia batendo no bumbum de uma mulher, utilizando na legenda frases como “Trate as feministas como elas realmente querem, mas não devem”.





A modelo Vivi Orth foi uma das pessoas que ficaram incomodadas com a postagem considerada machista e o irmão de Carol Celico – ex-esposa do jogador de futebol Kaká – resolveu atacá-la na web, na última quarta-feira (29), com direito a xingamentos e ameaça de processos.

“Ah, Vivi, vai tomar no seu c*, vai! Me exterminar da face da Terra! Ah, vai à merda, te tratei superbem todas as vezes que nos vimos. Absurdo por causa de uma brincadeira. Vai tomar no meio do seu c*, ingrata do cara***”, disparou ele por mensagem privada.

Nos recados, postados por Lea T., amiga da loira, foi possível vê-lo prosseguindo nos ataques: “Então encerra por aqui, sua prostituta de merda. […] Cara de drogada acabada, put*”.



As mensagens foram longe e Vivi utilizou os Stories para revelar que recebeu muito apoio após a cena. “Não estou nem um pouco abalada com as coisas que esse babaca escreveu para mim. Quero mesmo é que as pessoas tenham a consciência de que pessoas como ele não devem existir.”



Em nota, o rapaz garantiu que não queria polemizar ao brincar com um assunto sério, mas provocou: “Não adianta você argumentar ‘ah, com isso não se brinca’, pois para um comediante, isso só instiga mais as piadas”.

Para ‘encerrar’ o assunto, Enrico postou uma foto em que se compara a Jesus Cristo. “É impossível negar as semelhanças até agora. Ele, assim como eu, foi difamado pelas prostitutas, caluniado pelos ladrões e adorado pelos Fariseus”, avaliou.