Ex-Tiazinha sobre parto humanizado: “Nada romântico”


  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram


Três meses após dar à luz, Suzana Alves fez um desabafo sobre sua experiência sobre o parto humanizado. A ex-Tiazinha assumiu que é preciso muita força de vontade para ter um filho de forma natural.





VOCÊ VIU? Suzana Alves perde 16kg dois meses após dar à luz

“Não é nada romântico, só depois que o bebê está no colo. Quando vem a contração, você é outra pessoa. Conversa sozinha, tem alucinações, é interessantíssimo”, disse em entrevista ao programa de Mariana Kupfer na internet.

A eterna musa ficou cerca de nove horas em trabalho de parto: “Você morre, vai para o céu e volta várias vezes. É algo que transcende. Durante esse tempo, tive alguns minutos de êxtase, entre uma contração e outra. Aí dormia na banheira”.

A artista queria ter o pequeno Benjamim em casa, mas como não teve contrações precisou ir para um hospital. “Queria que ele nascesse no ambiente onde passei a gestação inteira, com gato, cachorro, passarinho. Era muito especial”, lamentou.