Filha de Paul Walker processa Porsche por acidente que vitimou seu pai


© Divulgação


Meadow Walker, filha de Paul Walker, resolveu processar a Porsche por homicídio culposo – quando não há a intenção de matar – por causa da morte de seu pai, depois de um acidente de carro, em 2013.





De acordo com documentos obtidos pelo “TMZ”, os advogados da herdeira afirmam que o cinto de segurança do modelo Carrera GT “sufocou” o ator no momento da batida, causando as fraturas em suas costelas e sua pélvis, além de deixá-lo preso no banco do passageiro.

A ação ainda aponta que o incêndio no veículo começou apenas um minuto e 20 segundos após a colisão, quando o galã ainda estava vivo. Com isso, Walker teria aspirado fuligem para sua traquéia enquanto o carro queimava.