“Gugu Vive”: Família promove campanha de doação de órgãos


  • Gugu Liberato© Instagram

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Divulgação/Record TV

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© RecordTV

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© RecordTV

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Instagram

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Instagram

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Divulgação/RecordTV

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato©

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato©

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Divulgação

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Divulgação/Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Divulgação

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Instagram

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Instagram

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.

  • Gugu Liberato© Record

    A família de Gugu Liberato lançará na próxima quinta-feira (19) a campanha “Gugu Vive” com o objetivo de incentivar a doação de órgãos. Além de completar um ano da morte do apresentador, a campanha é uma iniciativa dos familiares para promover algo que sempre marcou sua vida e carreira: ajudar as pessoas.

    VOCÊ VIU? Belo é surpreendido com prisão da filha: “Estou muito triste”

    Tyga é processado por destruir mansão em Beverly Hills

    Leão Lobo comenta demissão e revela paixão por Roberta Close

    Especial de “Friends” é adiado por conta da pandemia

    De acordo com a assessoria de Gugu, também haverá uma coletiva de imprensa para explicar sobre a homenagem, que contará com a presença do Dr. José Huygens Parente Garcia, que é presidente da ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), além dos familiares do apresentador, entre eles Dona Maria do Céu Liberato, mãe de Gugu, e João Augusto, Marina e Sofia Liberato, filhos do comunicador, e Carol Cohen, da Colabore com o Futuro.

    A morte de Gugu foi confirmada no dia 22 de novembro do ano passado, às 21h06, horário de Brasília, pela sua assessoria de imprensa, com uma nota assinada pela família. Gugu sofreu um acidente em sua casa na Flórida, nos Estados Unidos, no dia 20 do mesmo mês.

    Após sua morte, Gugu passou por uma cirurgia que teve seis horas de duração, na qual foram retirados os órgãos para doação. De acordo com a família, 50 pessoas seriam beneficiadas pelas doações de órgãos na ocasião.