Influencer revela ameaça de morte após denunciar o marido por agressão


© Instagram


Sayma Alex chamou atenção ao utilizar o Instagram, na última quarta-feira (8), para revelar que foi vítima de agressões do marido, Fernando Alex. Agora, a influencer está com medo, porque garante ter recebido ameaças de morte depois que o assunto se tornou público.

VOCÊ VIU? Ator seria pivô da separação de Débora Falabella e Murilo Benício

Marcos Mion passa 7 horas fazendo tattoo e resultado impressiona

Leandro Hassum reclama por acharem que esposa é sua filha

Ivan Moré deixa comando do “Globo Esporte” após 4 anos

“Ele me ameaçou desde postar fotos minhas nuas na rede social dele a me matar. Tenho medo de ser morta. Ele é muito perigoso”, disse à revista “Quem”. De acordo com a publicação, a moça tem print de uma conversa que comprovaria as ameaças.

A morena, de 24 anos, morava com o parceiro, de 63 anos, em um apartamento em Recife. Ela conta que registrou o caso na 2° Delegacia de Polícia da Mulher de Jabotão, Pernambuco, e foi hostilizada também pela ex-mulher do acusado e o filho do ex-casal.

“Ele foi trabalhar e me deixou sem carro. Então, não voltou mais para casa. Mandou a ex-mulher me tirar de lá com o filho. Eles me arrastaram, puxaram o meu cabelo e disseram que eu tinha cinco minutos para desocupar o apartamento. Desligaram as câmeras e pegaram meu celular para eu não pedir ajuda. Só me entregaram quando eu saí do apartamento.”

A moça relatou que a briga começou por ciúmes e foi a primeira vez que o empresário a agrediu. “A briga se deu porque fui tomar banho de manhã e ele veio me acusando que eu ia sair para traí-lo. Me segurou forte pelos braços, me arranhou, empurrou”, disse.

E detalhou: “Depois, deu chutes na porte, que eu estava segurando para me proteger. Os chutes me machucaram muito. Ele ainda quebrou um porta-retrato na minha mão. Nunca tive um amante enquanto estive com ele. O ciúme era doentio. Pegou meus celulares, a chave do meu carro e disse que eu ia andar a pé. Eu consegui trancar a porta do banheiro, mas meu nariz começou a sangrar muito”.

Apesar de não ter apanhado do marido antes, Sayma alega que já era agredida verbalmente. Principalmente durante a gestação do filho do casal, Pedro – hoje com cinco meses de vida.



Close sidebar