Kim Kardashian sobre doença autoimune: “Aprendi a conviver”


  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Reprodução
  • © Divulgação
  • © Divulgação
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Divulgação
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Instagram
  • © Twitter
  • © Divulgação / Cedars Sinai
  • © Divulgação / Cedars Sinai
  • © Divulgação / Cedars Sinai
  • © Instagram
  • © Instagram

Portadora de psoríase há seis anos, Kim Kardashian afirmou que aprendeu a lidar com a doença autoimune e que já não se incomoda mais com as marcas do problema de saúde em seu corpo.

VOCÊ VIU? Kim Kardashian se irrita com paparazzi e posa sensual na web

“Eu tenho na minha perna direita e é bem visível. Não tento cobrir isso mais. Às vezes, sinto que esse é meu grande defeito e que todo mundo sabe dele, então para que cobri-lo? Depois de tantos anos, aprendi a viver com isso”, desabafou em seu site oficial.

A esposa de Kanye West percebeu a dermatite, por acaso, ao experimentar uma peça de roupa em uma loja em Nova York.

“A primeira vez que apareceu estava usando um vestido e comecei a me coçar muito. Pensei que fosse uma alergia por conta do tecido, mas daí a alergia cobriu minhas pernas”, lembrou.

Kris Jenner, mãe da socialite, foi quem a alertou para o problema: “Ela também tem isso e é hereditário, então ela notou os sintomas na hora”.