Mariah Carey aluga mansão de luxo para quarentena em família


© Instagram


Mariah Carey deixou sua cobertura no centro de Manhattan para ficar em isolamento social com seus filhos em outro local muito mais luxuoso. De acordo com o “The Dirt”, a cantora levou os gêmeos Moroccan e Monroe para fazer a quarentena em uma mansão alugada em Westchester County, no estado de Nova York.





VOCÊ VIU? Confira famosos que têm a mesma idade e você nem imaginava

Mariana Weickert pede ajuda por estar acima do peso

TikTok e “A Fazenda” anunciam parceria inédita no país

Agatha Moreira e Rodrigo Simas estão com coronavírus

A casa tem quase 1000m² construídos em um terreno total de pouco mais de 20,2 mil m² e conta com seis quartos, sete banheiros completos e mais quatro lavabos, salas de estar e jantar, biblioteca com lareira, cozinha gourmet, sala de jogos, cinema com bar e sala de ginástica. Tudo distribuído em três andares, com direito a elevador.

A mansão vendida pela última vez em 2012 pelo valor de 4,8 milhões de dólares, quase R$ 26 milhões na cotação atual, para um magnata da Wall Street, que reformou a casa para adicionar tecnologia de ponta em diferentes funcionalidades e sistema de segurança, com mais de 20 câmeras e biometria para entrada.

Um dos destaques mais imponentes da casa é a piscina, construída em formato de violino com 27 metros de comprimento. Estima-se que apenas a sua construção tenha custado cerca de 1 milhão de dólares, pouco mais de 5,4 milhões de reais. Dentro dela, 500 mil ladrilhos de vidro com fibras ópticas que acendem em diferentes cores.



O atual dono da casa tentou vendê-la em 2015 por 10 milhões de dólares (R$ 54 milhões), mas a tirou do mercado meses depois. O “The Dirt” informou que a casa voltou a ser publicada no ano seguinte com uma redução de 30% em seu preço anterior, mas ficou outros dois anos sem achar um comprador e cancelaram a venda.