Musa da Copa de 2010, Larissa Riquelme diz estar sendo perseguida


© Danilo Carvalho e Thais Aline/ Ag. Fio Condutor/ Divulgação


Eleita Musa da Copa de 2010, na África do Sul – após aparecer com um celular entre os seios -, Larissa Riquelme voltou a virar notícia. Desta vez, após a modelo relatar na web que tem sido perseguida.





VOCÊ VIU? Namorado de Hariany se pronuncia após traição em “A Fazenda”

Aos 43 anos, Dany Bananinha espera pelo primeiro filho

Sem querer? Bocardi dá risada ao anunciar “desculpas” de empresa

Max Porto, campeão do “BBB 9”, revela ter dívidas milionárias

“Estou cansada de mentiras, de gente mitômana! Em breve contarei a minha verdade e muitas pessoas entenderão por que sou tão perseguida”, escreveu em suas redes sociais.

E confessou: “Tenho medo!”.



Contudo, a morena encerrou seu desabafo e não deu mais detalhes a respeito da tal ‘verdade’ que pretende revelar.



Vale lembrar que, no fim de 2018, a jovem passou por uma situação estarrecedora. Seu companheiro na ocasião, o jogador de futebol Jonathan Fabbro foi preso sob acusação de ter estuprado a afilhada de 5 anos – atualmente a garota está com 13 anos.

Em agosto deste ano, o atleta foi condenado a 14 anos de prisão pelo crime. Além disso, ele também responde a uma acusação de abuso sexual contra outra menina de 5 anos, familiar de Larissa.