Na menopausa, Naiara Azevedo congela óvulos para ser mãe


© Instagram


Naiara Azevedo descobriu em outubro do ano passado que tinha pré-disposição para menopausa precoce. Em razão disso, a cantora, de 30 anos, revelou que não pode gerar um filho de forma natural e optou pelo congelamento de óvulos.





VOCÊ VIU? Chrissy Teigen e John Legend compram mansão por R$ 96 mi

Descubra os nomes verdadeiros dessas 50 celebridades

Ivete Sangalo admite crise no casamento durante a quarentena

Tom Cruise já tem data para gravar primeiro filme no espaço

“Descobri em outubro do ano passado que tenho pré-disposição à menopausa precoce e que por isso não posso ter um filho de forma natural. Comecei a fazer tratamento de reposição hormonal para isso e estou fazendo também um tratamento para congelar os óvulos e ter um filho no futuro. Quando entrei na quarentena, consegui ter essa disponibilidade de horário na minha agenda para tomar as injeções, fazer ultrassom com frequência. Se o meu corpo estivesse ok, talvez eu tivesse engravidado nesta quarentena. Mas vou esperar um pouco ainda. Quando acontecer, vou ser uma mãezona”, afirmou.

Naiara e Rafael Cabral oficializaram a união em uma cerimônia em 2016. E apesar da vontade, o sonho de ser mãe deve ser realizado mais para frente.

“Gosto muito dessa área (salão de cabeleireiro). Tenho formação em estética e cosmetologia e pós-graduação em pós-operatório. Sempre tive vontade de ter algo para mim, mas não tinha tempo… Com a quarentena, consegui testar profissionais e tenho ido de duas a três vezes lá para acompanhar esse início. É o começo de uma realização. O céu é o limite”, ressaltou, que pode construir uma rede de beleza.





A dona do hit “50 reais” quer voltar aos palcos e contou que muitos colegas estão passando necessidade por causa da paralisação em razão da pandemia.

“Temos que voltar logo. Não faz sentido ficar em casa sendo que as praias, restaurantes e academias estão lotados e sem distanciamento social algum. O que me impede de fazer show em lugares abertos com 30% da capacidade? Graças a Deus aqui em casa não vai faltar alimento, mas muitas pessoas que vivem do entretenimento estão passando necessidade. O valor de muitas lives, a gente direciona para essas pessoas. Temos que voltar.”