Pamela Anderson apoia filho em caso de agressão contra o pai


© Instagram


Pamela Anderson saiu em defesa do filho, Brandon Lee, que agrediu o próprio pai, Tommy Lee, na última segunda-feira (5). A famosa usou seu site pessoal para revelar que o ex está doente por causa do vício em álcool.

VOCÊ VIU? Cleo exibe bumbum em lingerie cavada: “Pegando fogo”; veja!

Noiva defende Thammy Miranda: “Meu macho”

“BBB”: Patrícia sobre Gleici: “Parto a cara dela num soco”

Zezé di Camargo é ‘zoado’ após noiva postar foto do bumbum

“Eu rezo para que o Tommy consiga a ajuda que precisa, suas ações são desesperadoras e humilhantes, ele é um desastre girando fora de controle e não age como um pai, mas isso não é nenhuma novidade”, escreveu no texto intitulado de “Alcoolismo é o diabo”.





A famosa ainda contou que os herdeiros fizeram de tudo para auxiliar o pai. “Os meus filhos tentaram o ajudar nos últimos meses, ficando junto com ele para que ele fique bem, na esperança de que ele se sinta amado. Ele culpar os filhos por qualquer coisa é um delírio”, declarou.

E destacou: “Ele é um centro consistente de tristeza, drama e confusão, inveja do talento do filho e de sua beleza. […] Ele está doente, é a definição de um narcisista-sociopata”.

Ao “TMZ”, Tommy negou as acusações. “Eu bebo mais do que a maioria? Sim. Eu já machuquei meus filhos ou perdi o controle por causa de bebida? Não. Não importa que as pessoas queiram me classificar como o alcoólatra abusador, esse não sou eu. Eu sou um cara divertido, feliz e amável”, se defendeu.