Taís Araújo sobre racismo no Brasil: “Fomos silenciados”


  • © TV Globo
  • © TV Globo
  • © TV Globo
  • © Divulgação/TV Globo
  • © Instagram
  • © Dilson Silva/ AgNews
  • © Divulgação/TV Globo
  • © Divulgação/TV Globo
  • © TV Globo


Bastante engajada no combate ao racismo, Taís Araújo afirmou que os afrodescendentes conseguiram, somente há pouco tempo, ganhar espaço e ‘voz’.





VOCÊ VIU? Grávida, Patricia Abravanel cai ao vivo no palco do Teleton

Jacqueline Brazil estreia no “JN” e faz sucesso na web

Maria Ribeiro é agredida por segurança de bar na Espanha

Geraldo Luis sonha com Marcelo Rezende e desabafa: “Saudade”

“É uma questão pessoal: sou uma mulher brasileira negra. O direito de fala nos foi negado por muito tempo. Fomos silenciados e agora estamos no reorganizando”, disse à revista “Vogue”.

E destacou: “Enquanto sociedade civil, temos influência e responsabilidade gigantesca”.

A famosa também fez uma avaliação sobre o País. “O Brasil é o segundo país mais negro do planeta. Ainda assim, existe uma lacuna de identidade cultural”, salientou.