West diz que tenta se divorciar de Kim Kardashian há 2 anos


© Instagram


Kanye West, mais uma vez, se manifesta polemicamente. Desta vez, o rapper, de 43 anos, contou, na noite desta terça-feira (21), que tenta se divorciar da esposa, Kim Kardashian, há dois anos. O motivo seria o encontro da famosa com o também rapper Meek Mill para discutir a reforma do sistema prisional americano em novembro de 2018.





VOCÊ VIU? Thelma Assis conta o que fez com o prêmio do “BBB 20”

Manu Gavassi explica por que entrou no “BBB”: “Visibilidade”

Demi Lovato defende Kanye: “O que aconteceu com a empatia?”

CNN Brasil contrata Alexandre Garcia e Sidney Rezende

Em uma postagem sem muito sentido no Twitter, o músico afirmou que pode “aguentar” a esposa por mais 200 anos, mesmo com a vontade de por fim ao relacionamento. “Eles tentaram voar com dois médicos para me 51/50 (sic).  Estou tentando me divorciar desde que Kim se encontrou com Meek no Warldolf pela ‘reforma penitenciária’. Eu tenho mais 200 para aguentar. Este é o meu tuíte da noite… Kris Jong-Un Lil, meu rapper favorito, mas não faz uma música comigo”, postou.

Kanye West não parou por aí. Ele continuou com as postagens e criticou, além de Kim Kardashian, a sogra, Kris Jenner. “Kriss e Kim divulgaram uma declaração sem a minha aprovação… não é isso que uma esposa deve fazer. Supremacista branca”, escreveu ele. “Diz o futuro presidente”, acrescentou.

Veículos de imprensa dos Estados Unidos cogitaram, nos últimos dias, que o rapper esteja sofrendo um transtorno bipolar. Desde domingo (19), o cantor revelou um possível aborto de sua primeira filha, North West, e também acusou a esposa de querer interná-lo em um hospital psiquiátrico.