Whindersson Nunes mobiliza três aviões de ajuda à Manaus


© Instagram


Whindersson Nunes não tem os esforços para ajudar Manaus, que entrou em colapso no sistema de saúde porque, com aumento recorde de internações por Covid-19, sofre com a falta de cilindros de oxigênio nos hospitais.





VOCÊ VIU? Yasmin Brunet revela apoio à Duda Reis: “Estou ao lado dela”

“Gênesis”: Ana Terra vive a filha de Adão e Eva, Renah

“Quesitos”: Milton Cunha estreia programa sobre Carnaval

Duda Reis acusa Nego do Borel de estupro de vulnerável

O humorista fez uma campanha e juntou diversos famosos que fizeram doações para comprar os cilindros. No entanto, precisou tomar outras providências para levá-los do Rio de Janeiro e de São Paulo para Manaus.

“Mobilizando três aviões pra levar equipamentos hospitalares e 50 aparelhos BIPAP (ventilador pulmonar), já que não podemos transportar cilindros! Indo primeiro aos hospitais pequenos! Vai dar certo! Vamos em busca das possibilidades!”, publicou no Twitter.

Segundo ele, o DJ Alok e a dupla Jorge e Mateus estão o ajudando no processo. “Galera, meu irmão Marcos, que mora em Manaus, vai cuidar de distribuir nos hospitais pequenos e nos interiores, que também estão precisando! Ele está em contato com a galera das doações lá! Jorge e Mateus e Alok entraram pesado na doação, vai acontecer”, contou.



Whindersson ainda disse que, mesmo não conseguindo levar os cilindros, está fazendo o que pode para ajudar. “Quando a merda já está feita, o foco tem que ser em reduzir danos, vamos atrás de mais aparelhos ventiladores pulmonares individuais, mesmo que seja individual, uma vida é uma vida, né?”, completou.